Perguntas Frequentes

1. Como funcionará a contratação?
Por meio de credenciamento de Pessoas Jurídicas de Direito Privado que sejam operadoras de equipamentos denominados lockers.
2. Quantas empresas serão credenciadas?

Todas as empresas que atendam às condições previstas no edital serão credenciadas.

3. Como faço para participar do Processo de Credenciamento? Tenho que acessar algum sistema?
Será, exclusivamente, por meio do Sistema Eletrônico de Informações – SEI, após realizar o login no sistema o interessado deverá encaminhar o Requerimento de Credenciamento e a documentação constante no edital.
4. Como acessar o Sistema Eletrônico de Informações - SEI?
As informações de acesso ao sistema estão dispostas no Guia Externo do Processo de Seleção de Parceiros por meio do SEI.
5. Até quando ficará aberto o processo de credenciamento?
O credenciamento permanecerá aberto até que haja revogação pelos Correios, cabendo publicação quanto ao encerramento da vigência com antecedência mínima de 10 dias. Assim, a qualquer tempo, no decorrer da vigência do Edital, as empresas interessadas poderão requerer o credenciamento.
6. Qual a vigência do contrato de credenciamento?
24 (vinte e quatro) meses, contados a partir da assinatura do contrato, podendo ser prorrogado por iguais ou diferentes períodos até o limite de 60 meses, conforme disposto no subitem 3.1 do Contrato de Credenciamento.
7. Quais os serviços a serem prestados pelas empresas operadoras de locker?
A empresa credenciada será responsável pela disponibilização de armários, bem como pelo fornecimento de toda a infraestrutura para operacionalização do terminal, a exemplo de espaço físico, energia, acesso à internet, iluminação, segurança, limpeza e manutenção, conforme disposto no edital, conforme disposto no subitem 4.6 do Contrato de Credenciamento.
8. Quais as localidades definidas para prestar os serviços?
Cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. A composição dos Grupos e Subgrupos das cidades para ativação dos terminais está relacionada no Anexo II do Edital de Credenciamento.
9. Tenho que ter lockers em todos os municípios descritos no edital?
Não. A empresa, quando credenciada, deverá atender à demanda de acordo com o(s) Grupo(s) e Subgrupo(s) escolhido(s), obedecendo a previsão contratual.
Poderá pleitear o seu credenciamento para operar lockers em um ou mais Grupos, outrossim, sem limitação de pedido de credenciamento em relação ao número de Subgrupos, conforme constante do Anexo II do Edital de Credenciamento.
No decorrer da vigência do credenciamento, a empresa parceira pode solicitar a alteração dos Grupos e Subgrupos a qual foi inicialmente credenciada para operar lockers junto aos Correios.
10. Como será realizado o pagamento pelos serviços?
O pagamento será mensal, considerando a quantidade de armários que foram disponibilizados para uso exclusivo dos Correios e a quantidade de gavetas que cada armário possuir, seguindo os valores definidos na tabela constante do Anexo 3 do Contrato de Credenciamento.
11. Posso subcontratar os serviços?
Será permitida a subcontratação quanto a atividades de manutenção dos terminais, compreendendo a sua estrutura, a limpeza, o sistema de rede de acesso à internet, sistema elétrico e dispositivos de câmera de segurança.
12. Os terminais precisam seguir algum padrão?
Os terminais deverão ser envelopados com a marca Correios, conforme padrão de arte disponibilizada no Anexo III – Comunicação Visual do Projeto Básico.
13. Como funcionará a etapa de integração de sistemas?
Essa etapa será iniciada imediatamente após a assinatura do Contrato de Credenciamento, momento em que será disponibilizada documentação com as orientações para o desenvolvimento e consumo das API’s necessárias.
14. O que são lockers temporários?
A ativação temporária de lockers consiste no uso de armário em situações de interesse estratégico e visando promoção da marca, a exemplo de eventos ou exposições. A instalação será considerada temporária quando os CORREIOS tenham interesse em ativar armário por prazo de até 30 (trinta) dias consecutivos, podendo ser prorrogado única vez por igual período. Tal aspecto pode ser consultado nos subitens 11.33 e 11.3.1 do Contrato de Credenciamento.